quarta-feira, 9 de outubro de 2013

Chance Perdida


Viver de meios termos,
Sem planos e sem razão,
É como viver em lugar ermo,
Sem vida, na escuridão.

Quer o fruto colher,
De onde nada plantou.
Agir, sem nada escolher,
Falar, do que não escutou,

Viver de "planos futuros"
Abrindo mão do "agora".
Um amanhã inseguro
Se aproxima sem demora.

Não seja da vida
Um eterno ausente,
Pois cada chance perdida
Encontra quem a lamente.


                                                                   Noureddine
Postar um comentário